sexta-feira, 8 de setembro de 2017

O Poder da Escolha Consciente - Eco Trip/ Take 2: Parte 1

Dia 1 – 14 de Agosto, 2017


O Início 


A manhã espreita pelas frestas da portada de madeira. Sabemos que é hora de despertar. O dia adivinha-se longo e inesperado e há ainda que verificar se está tudo a postos para a grande viagem.

Com alegria no olhar e leveza no coração damos conta da nossa “despensa”: frutas do pomar e vegetais e legumes da horta, frutos secos, azeite, aveia e muesli, atum, feijão, água da fonte e mais umas coisitas para as refeições dos primeiros dias. Não pode faltar o ralador e uma caixa de plástico para as saladas, uns copos e pratos de piquenique, 2 garfos e 2 colheres, o canivete, a mala térmica que sempre refrigera por um dia ou dois, o rolo de cozinha e… parece que está tudo. O “quarto” também tem os seus 4 colchões tripartidos, 2 sacos de cama e 2 lençóis para quando o calor aperta, 3 almofadas (dá sempre jeito mais uma) a manta de piquenique, as proteções para os vidros de trás e da frente e já está. As toalhas terão que servir de cortinas laterais, à falta de outra solução mais convencional. A “sala” tem uns “sofás” bem confortáveis o que vem bem a propósito porque será onde possivelmente passaremos mais tempo. Casa de banho não temos, mas também não é preciso, pois sabemos que quando for preciso teremos o necessário à nossa disposição. Vai no entanto o papel higiénico caso seja necessário – a julgar pelas nossas casas de banho públicas, ás vezes têm e outas vezes não. Uma pequena bolsa para a higiene diária para cada um e de casa de banho estamos tratados.

Uma malita pequena com roupa para cada um – a minha é um bocadito maior, mas ainda assim é daquelas que pode ir para a cabine do avião. O computador também vai, ainda que não venha a ter muito uso e o tablet para os mapas e pesquisas breves.

Só para saberes, estou a falar de um carro ligeiro – nem sequer é uma station (é um Peugeot 308). Mas decidimos chamar-lhe de car-van J e com um pouco de imaginação conseguimos perceber que tem tudo o que é necessário para nos acomodar nesta livre aventura que designámos de eco-trip. O giro é que sempre sonhei ter uma autocaravana e descobri que afinal sempre tive! Quer dizer, sempre tive desde que tenho carro que dê para rebater os bancos traseiros, só que nunca me tinha dado esta “panca” de fazer do carro uma car-van!

A “Trip” é Eco por vários motivos que passo a citar:

1.       Porque temos um orçamento de 500€ a 550€ cada um para 3 semanas (21 dias) de viagem entre Portugal e a Itália (ida e volta) – ou seja, é uma viagem super económica
2.       Porque vamos utilizar o combustível de forma consciente
3.       Porque vamos fazer tão pouco lixo quanto for possível
4.       Porque não vamos desperdiçar a nossa energia com preocupações, planos e obrigações, nem com cogitações, complicações, desentendimentos, notícias ou dramas de qualquer espécie
5.       Porque vamos comer e beber de forma simples e sem excessos
6.       Porque vamos usar os recursos que já existem por essa europa fora ao dispor de todos nós e vamos ser ágeis, flexíveis e adaptáveis ás circunstâncias de cada lugar e momento
7.       Porque vamos desfrutar da viagem sem apegos ou consumismo
8.       Não me lembro de mais nada para acrescentar aqui… ;)

Hoje há por aí fogos, muitos com certeza, porque o carro está cheio de cinza. Mas sabemos que não vamos ser impedidos de seguir o nosso caminho porque as nossas escolhas principais para esta viagem são muito claras:

1.       Ausência total de dramas
2.       Confiança total na magia que as nossas Essências nos proporcionam quando estamos entregues a simplesmente Ser
3.       Certeza de que teremos sempre absolutamente tudo o que for necessário, momento a momento
4.       A convicção de que estamos sempre 100% seguros quando ouvimos a voz do coração e nos abrimos para receber o caminho sem expetativas, sabendo que Deus está em cada folha, cada pedra, cada olhar

Continua…




Sem comentários:

Enviar um comentário